Leve seu time às alturas de maneira simples! Descubra a dica de ouro da XPBOARDS.


O tratamento de grandes volumes de informação se tornou realidade em grande parte do setor empresarial mundial, alavancado principalmente pelo avanço de tecnologias que permitem uma interação mais efetiva com as organizações e áreas internas. As redes sociais, por exemplo, podem ser colocadas como o maior exemplo da guinada nas comunicações e, consequentemente, no volume de informações que gestores e suas equipes consomem.


Não há exceção à regra: seja na avaliação de desempenho de pequenas ou grandes equipes, na análise de acessos de uma campanha de mídias ou para averiguar a porcentagem de consumo de água do seu negócio, você irá se deparar com um grande número de dados que, crus, acabam não significando nada.


Se você decidir ignorá-los, se arrependa mais tarde. Em tempos modernos, cada número conta, e um pequeno detalhe pode se tornar uma nova análise de KPI ou um fator determinante para importantes decisões de mercado.


Imagine que você é responsável pelo setor de reclamações de uma empresa voltada para telecomunicação e precisa realizar sua apresentação mensal sobre ações de prevenção ao churn daqui a 7 dias. O pessoal do big data envia um e-mail com 3 tipos de relatórios: uma lista com 1318 mensagens de FAQ feitas por clientes nos últimos cinco meses; um gráfico de números de visualizações das dez últimas campanhas de consolidação de público que aconteceram nas redes sociais e uma tabela de análise de ganhos e perdas de clientes.


Com os dados em mãos, você se assusta e pensa: “Certo. Vou analisar o que está mais simples, preciso trabalhar nas campanhas o mais rápido possível e definir o que será feito”. Tome cuidado. Em casos como esse, a pressa se torna inimiga dos detalhes, que são o trunfo para definir o melhor caminho a seguir.


Porém, não é preciso mais ter medo. Confira abaixo as dicas de ouro da XPBOARDS e

descomplica de uma vez!


Dica de Ouro: Trabalho em equipe x organização


Quando lidamos com conglomerados de dados e o tempo for curto para definir

um projeto, procure buscar auxílio com sua equipe. A troca de informações e o

movimento de brainstorm, além de fortalecerem laços internos, facilitam a tomada de

decisão.


Para que essa troca ocorra de maneira orgânica e usual, a organização do

próprio time é um elemento fundamental. Para isso, os dashboards dinâmicos da

XPBoards oferecem um ambiente favorável para criação de organizações

operacionais de primeiro nível, com um layout intuitivo e funcional.



Comunique-se: 1 - Não deixe que a pandemia impeça seus contatos com a equipe. Eles não precisam presenciais para que você obtenha resultados satisfatórios no desempenho do seu trabalho


Voltando ao caso, agora com a casa em ordem e um time colaborativo, é

hora de lidar com dados. Em um primeiro momento tudo pode parecer muito

complexo, mas o primeiro passo está em organizar cada assunto. Confira algumas

outras dicas da XP:


  1. Em seu dashboard personalizado, defina títulos precisos para cada relatório.

  2. Pense em como elencar cada tipo de informação a partir de designs que facilitem a visualização geral (gráficos variados, tabelas, notas).

  3. Para as redes sociais, trabalhe com métricas de indicadores, metas e faça comparações entre elas.

  4. Crie painéis de evolução de lead. Esses procedimentos ajudam você e seu time a enxergar o que está funcionando para que você siga apostando em certas estratégias ou descarte programas falhos.

Curtiu o conteúdo? Descubra mais sobre nosso modelo de dashboards de Gestão de

Marketing.



© 2020 por XPBOARDS. Um produto LongView. Todos os direitos reservados. Política de privacidade